terça-feira, 4 de setembro de 2012

Em autobiografia, T.Hamilton diz que Armstrong lhe forneceu EPO

Previsto para ser lançado no próximo dia 5 de setembro, o livro “The Secret Race: Inside the Hidden
World of the Tour de France: Doping, Cover-ups, and Winning at All Costs” promete aumentar a polêmica em torno do uso de doping no ciclismo profissional.

Segundo a agência de notícias Associated Press, que teve acesso a uma cópia do livro escrito pelo atleta Tyler Hamilton, com participação de Daniel Coyle (mesmo autor de “Lance Armstrong’s War”), a publicação revela detalhes do envolvimento de Hamilton com EPO.

O ciclista afirma que foi Lance Armstrong quem lhe forneceu EPO pouco antes do Tour de France de 1999. Os dois estavam em Nice, na França, quando isso teria ocorrido. Hamilton também detalha o plano de dopagem feito para a equipe US Postal durante a corrida daquele ano, que ele alega ter sido montada com o conhecimento de Armstrong.

Um ano depois, antes do Tour de France de 2000, Armstrong, Hamilton e outro companheiro da equipe US Postal, Kevin Livingston, foram para a Espanha para ter seu sangue coletado pelos médicos Luis Garcia del Moral e José “Pepe” Martí. Mais tarde, as bolsas de sangue foram enviadas aos seus quartos de hotel para que o conteúdo fosse reinjetado, segundo a versão de Hamilton, considerado uma testemunha-chave no processo movido contra Lance Armstrong.

Hamilton tem declarado aos jornalistas que assim que ele começou a cooperar com a investigação federal, seus telefones e e-mails foram hackeados.

Na semana passada, Lance Armstrong anunciou que não iria mais lutar contra as acusações de doping e conspiração. A decisão levou à agência USADA a banir o ciclista do esporte profissional e retirar seus sete títulos de campeão do Tour de France.

Fonte: BikeMagazine

Nenhum comentário:

Postar um comentário